Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Minuto Zero

A Semana Desportiva, minuto a minuto!

A Semana Desportiva, minuto a minuto!

Minuto Zero

26
Jul11

Steve Field

Steve Grácio

Pré-época

 

          Inicia-se a época e a grande preocupação é formar uma boa equipa. Para formar uma boa equipa, a pré-época, dizem alguns, é fundamental. É na pré-época que se adquirem as capacidades físicas que irão suportar a temporada. Puro disparate.

Por norma, são os treinadores mais antigos que defendem este ponto. Assim, na pré-época dão “tareias” aos seus jogadores para estes ganharem preparação. A bola surge só numa fase posterior.

Na nova vaga, esta ideia está posta de parte, mas em alguns casos continua a sair disparate. A bola é a única preocupação, mas não jogam. Os jogadores morrem com a bola.

          Para os melhores, como Mourinho e Villas Boas, o fundamental é a coesão do grupo. Por isso, segundo o que se consta, os seus treinos são sempre divertidos (com intensidade, claro) e os jogadores relacionam-se na perfeição, sem estar mortos. Ou seja, o essencial é poupar esforços. Estranho? Nem por isso.

          Se a época é longa e desgastante, para quê gastar energias em fase tão prematura? Assim, o principal é poupar os atletas para estes estarem totalmente aptos para mais uma época de máxima intensidade. Além disso, como não matam os jogadores, não perdem tempo a recuperá-los. São, de facto, treinadores especiais.

Bem, mas falar é fácil. Não me quero armar em expert, porque não sou, só quis expor de forma muito resumida a diferença entre os especiais e os bons. Custa-me entender, por exemplo, os problemas musculares que afectam constantemente o plantel do Benfica, quando a competição aperta. Má preparação, certamente.

 

by Steve Grácio

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.