1 a zero:
De Tiago Santos a 4 de Outubro de 2010 às 20:34
Infelizmente este é o principal motivo porque se fala de ciclismo tanto em Portugal como no resto do mundo.
Pena que uma modalidade que proporciona momentos de rara beleza (e não são só as paisagens) caía nestas questões. A verdade é que por vezes a ambição desmesurada dos ciclistas, e sobretudo das equipas, na busca de vitórias ( vitórias=patrocinadores=dinheiro, muito mesmo...) recorrem à dopágem. Muitas das vezes as quantidades de substâncias são encontradas em quantidades tão reduzidas que acabam por nem ter grande rendimento desportivo dos atletas. Até parece existir por vezes algum excesso de zelo por parte dos controlos anti-doping. A verdade é que as equipas se continuam a preocupar em demasia em encontrar novas substâncias dopantes que sejam ainda "legais" e isto está a denegrir a imagem da modalidade.


Comentar post