Domingo, 8 de Maio de 2011
Área de Ensaio

Introdução ao mundo do rugby II

 

 

 

 

               Dando seguimento à linha de raciocínio da crónica transacta, e por considerar que há ainda aspectos do jogo que merecem ser esclarecidos, esta semana vou continuar com a introdução e as explicações. Vou explicar as funções de cada jogador dentro de campo e ainda algumas regras e expressões próprias.

               Assim, e como já tinha explicado, cada equipa de rugby union é composta por 15 jogadores, 8 avançados e 7 defesas.

               O pack avançado é composto por 3 linhas de jogadores. Na primeira linha jogam 2 pilares, jogadores geralmente mais fortes e pesados, que têm por função empurrar e fazer força nas formações ordenadas (para o talonador poder disputar a bola mais à vontade) e levantar os saltadores nos alinhamentos. Há ainda um talonador, um jogador à imagem dos pilares, mas com tarefas mais específicas e mais liberdade dentro do campo. Ele é responsável pela introdução da bola nos alinhamentos, e, além disso, nas formações ordenadas é ele quem disputa a bola com o talonador contrário (utilizando o calcanhar, talon em francês). O talonador por vezes funciona como um 3º linha (Asa), por isso convém ter velocidade e ser um bom placador.

               A 2ª linha tem 2 jogadores. Dois saltadores, que são normalmente os jogadores mais altos da equipa pois passa por eles a conquista da bola nos alinhamentos. Além disso, são ainda importantes nas formações ordenadas, pois o facto de serem jogadores com força é importante para empurrar o adversário.

               A 3ª linha fecha o pack avançado. É composta por 2 asas e um nº8. Os Asas têm de ser grandes placadores, a sua principal função é correr o campo atrás da bola e tentar placar sempre o adversário que a possui. Nas formações ordenadas, colocam-se nos lados para impedir a saída rápida do adversário. Por vezes também saltam nos alinhamentos (em certas jogadas que pretendem criar surpresa). O nº 8 fecha a formação ordenada, e como a bola sai sempre no sítio onde ele está é o único avançado que a pode agarrar nas formações. Além disso convém entender-se bem com o Médio de Formação, pois do seu entendimento depende o sucesso de uma formação ordenada.

               Passando para os defesas ou “3/4”. O Médio de Formação é o jogador que faz a transição entre os avançados e os defesas, logo tem de ter grande capacidade de passe, visão de jogo e comunicação, é dele que saem as decisões das jogadas, portanto é de grande importância. O Médio de Abertura, é geralmente o chutador da equipa, por isso precisa de ter um bom pontapé. Mais, a capacidade de passe é também importante, pois um bom passe a entrar nos Centro, ou nos Alas pode ditar uma boa jogada.

               Os Médios – Centro têm uma dupla função. A defender, têm de ser bons placadores, ter sentido posicional e conseguir descair rapidamente nas alas, uma vez que nunca se sabe se o adversário vai “entrar” pelo meio ou pelas alas. A atacar, têm que decidir bem as jogadas e fazer a bola chegar rápido aos Alas para se poder criar superioridade.

               Os Alas têm de ser jogadores rápidos, com boa finta de corpo e força. É neles que se pretende que entre a bola, para correrem junto à linha lateral até ao fim do campo. Por fim, o nº15 ou Arriére, o defesa que se pretende que se incorpore nas jogadas ofensivas, causando surpresa e superioridade, e a defender que seja a última barreira antes da área de ensaio.

               Em termos de regras e expressões, um alinhamento, ou touche, ocorre quando a bola sai pela linha lateral. A reposição é feita pela equipa contrária à que meteu fora, a não ser que seja numa penalidade.

               Formação Ordenada, Mellée ou scrum é o confronto dos dois pack’s avançados pela disputa de bola. Ocorre quando a bola é jogada para a frente, fica injogável ou há toque de meta. Os jogadores empurram-se enquanto os talonadores disputam a bola com os calcanhares. Uma formação espontânea alta ou maul, ocorre quando os jogadores se aglomeram espontaneamente em pé a disputar a bola, a formação espontânea baixa ou ruck, é o mesmo mas no chão. Aqui apenas o jogador que tira a bola a pode jogar com as mãos.

 

By Pedro Santos

 



publicado por Pedro Santos às 15:35
editado por Sarah Saint-Maxent às 17:37
link do post | comentar

1 a zero:
De Pedro Santos a 8 de Maio de 2011 às 23:19
Ainda um dia hei de escrever uma cronica que nao necessite de ser editada. so venho mesmo dar vos trabalho


De Óscar Morgado a 9 de Maio de 2011 às 17:04
Gostava de a ver sem ser editada, para não ter os podres escondidos.


De Pedro Santos a 9 de Maio de 2011 às 19:04
se nao fosse editada ninguem conseguia ler nada. os erros eram tantos que seria imperceptivel. sabes Oscar nem todos têm a hipotese de estar num curso de comunicaçao social e aprender a escrever. alguns têm de ir para outros lados.

Felizmente existe quem venha editar e corrigir os meus erros e desde já agradeço


De Óscar Morgado a 9 de Maio de 2011 às 21:22
Tão ingénuo...pergunta aos frequentadores do curso que participam neste blog e todos eles te dirão que ninguém os anda a ensinar a escrever neste curso lol. É triste, mas só andamos cá pelo prestígio.


De Pedro Santos a 9 de Maio de 2011 às 21:41
engraçado comigo acontece o mesmo. muito nome, muito prestigio, muitas dinstiçoes nacionais e internacionais e no fundo é tudo uma grandessissima treta.

Haja saude


De Sarah Saint-Maxent a 9 de Maio de 2011 às 22:17
é terrível que lá apareça o 'editado por... às...' mas não te preocupes que normalmente a edição é às formatações ;)


De Pedro Santos a 9 de Maio de 2011 às 22:47
nao nao. nao fico minimamente incomodado. simplesmente sinto que te venho dar trabalho. na proxima ja vou ter atençao a isso.


Comentar post

pesquisar neste blog
 
Equipa Minuto Zero'
Links
Também Tu Podes Participar!

Participa na Equipa Minuto Zero'

subscrever feeds
Arquivo

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010