Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Minuto Zero

A Semana Desportiva, minuto a minuto!

A Semana Desportiva, minuto a minuto!

Minuto Zero

08
Jan11

Porque ao Sábado se destaca...

Minuto Zero
Fórlan- O misto da finalização com a organização
Nota: O talento menos reconhecido da década (quer por adeptos quer por clubes)

Falar de Fórlan é falar de desperdício. Um talento, um jogador fora-de-série, um daqueles astros que de quando em vez aparece no futebol. Mas só agora mereceu confirmação. A grande pergunta que fica é porquê só agora?
A resposta é simples. Porque foi no Mundial que se capitalizou ao expoente máximo. Surpresa? Apenas para aqueles que não vem o futebol concentrados em perceber a sua essência e o seu fascínio.
Faltou sempre a Fórlan protagonismo, faltou oportunidades no Manchester United faltou-lhe uma grande equipa ao longo da carreira.
Esta mesma confirmação que surpreende os simples espectadores de futebol é mais que óbvia para os estudiosos de futebol.
Afinal de contas Fórlan é um astro, Fórlan é um diamante perdido numa mina que só agora se encontrou. Fórlan é um prodígio, Fórlan é um fascínio, Fórlan é um protótipo de número 10-avançado-ponta-de-lança absolutamente fantástico que se calhar como houve poucos na história do futebol.
Fonte:Nominuto.com
Temperamental, inteligente tacticamente, sabe receber bem e entender o espaço em que tem que cair para organizar, é a âncora da equipa, que lhe permite rodar e organizar como se fosse um dez puro. Mas a sua complexificação enquanto jogador caminha para passos amplamente mais largos e espaçosamente mais diversos.
Fórlan sabe receber de costas para a baliza, sabe conduzir a bola e criar desequilíbrios para os colegas finalizarem. Sabe entrar nos últimos 10/15 metros através de diagonais curtas ou movimentos em profundidade, Fórlan é um avançado.
Afinal Fórlan é um número dez ou um avançado? Não para mim ainda pode ser um ponta-de-lança. Algo que a ciência futebolística até então nos mostrou ser impossível, mas que Fórlan surge e rompe com este conhecimento até agora dogmático. Fórlan é ele o triunfo do protótipo de jogador completo que faz como ninguém as 3 posições mais avançadas.
Fórlan movimenta-se no espaço, em ataques rápidos em cruzamentos, tem um instinto para o golo, é letal. Aparece de fora para dentro, aparece para rematar fora-de-área ou para finalizar a primeiro toque na grande área. É um finalizador nato que só vê baliza.
Parece complexo mas no mundo do futebol, apenas Fórlan tem talento para organizar como um 10, criar e desequilibrar como um avançado e finalizar como um matador. Um misto de Sneijder, Rooney e  Ibrahimovic.
Fórlan é para mim o protótipo de jogador completo. Talvez tenha sido esta complementaridade que o tenha feito perder enquanto jogador. Talvez o facto de fazer tanta coisa ao mesmo tempo o tenha impedido de ser letal numa delas e o tenha impedido de ter uma carreira como Zidane, Eto’o ou Inzaghi.
Fórlan respira futebol dentro e fora de campo, trabalhador incansável, com um espírito colectivo acima da média, com um espírito de liderança carismático aos 31 anos ainda vai a tempo, devido à sua também assinalável capacidade física de integrar um tubarão do futebol Mundial.
Como nos diz o senso comum “Nunca é tarde” e Fórlan não merece ser um barco (jogador) que se perca no meio do mar (futebol).

by João Perfeito