1 a zero:
De João Perfeito a 23 de Janeiro de 2012 às 22:37
Na verdade a posição 9 é vital para o Porto. Mesmo o ano passado, jogando um futebol de altíssima voltagem era fácil perceber a dependência da equipa de Falcão, como finalizador de área. No fundo todo o futebol do Porto passava para ser finalizaod pelo magnífico tridente Varela-Falcão-Hulk (de maneiras diferentes como é óbvio. Os golos de Moutinho, Fernando e Belluschi rareavam e Guarin respondia com meia distância. Ora, como Guarín tem jogado pouco a equipa no início do campeonato perdeu mais um dos poucos jogadores capazes de fazer golos. Por outro Falcão era essencial na rotação e verticalidade que dava ao jogo. Kléber é mais um brigão e Walter só joga na área. O Porto raramente integra os médios nas finalizações e sem Guarín e Hulk é fraco na média distância. As arrancadas de Hulk e os centros de Pereira (o Futebol Clube do Porto joga sempre da mesma maneira). Sabendo da qualidade de jogo interior de James e da sua pouca utilização no início de época, mais uma vez percebemos que o Porto estava a desperdiçar outra boa solução de finalização. Ao Porto cabe fundamentalmente ter um avançado de top, que na Liga Portuguesa não há fora do leque dos grandes. Tem de investir fortemente num goleador.
A pouca competitividade do campeonato faz com que seja previsível que o Benfica (tirando o jogo com o Porto) apenas não ganhe em Alvalade. O Benfica depois da derrota em Guimarães soma actualmente 25 vitórias em 26 jogos (tirando os jogos com grandes (incluo Braga no lote)). Por isso acho difícil o Benfica perder pontos com os pequenos. No caso do Porto empatar na Luz, pode ganhar os jogos todos que se calhar não vai ser campeão. Visto que o Benfica empatando (3-3 é quase impossível) com o Porto basta não perder em Alvalade e ganhar o resto (parece fácil) para ser campeão. Um empate em Portugal equivale a 5 ou 6 pontos noutro campeonato. Pouca competitividade ou Porto e Benfica doutra galáxia? Uma problemática interessante.


De NegóciosdoFutebol a 24 de Janeiro de 2012 às 00:13
Boa noite MinutoZero,

Não deixou o seu contacto no comentário que inseriu num artigo do Negócios do Futebol, pelo que venho ao MinutoZero pedir que me contacte através do e-mail que deixo na identificação deste comentário.

Alguns aspectos precisam ainda de se esclarecer e é com essa finalidade que pretendo entrar em contacto consigo.

Cumprimentos


Comentar post