Segunda-feira, 23 de Abril de 2012
Livre Direto

O Campeão Dortmund

 

 

O campeonato alemão conheceu este fim-de-semana o seu campeão. O Borussia de Dortmund renovou o título que conquistara na época transata, num jogo em que levou de vencida o outro Borussia, o de Monchengladbach, por 2-0 com golos de Perisic e Kagawa.

 

Mesmo sem a presença da sua principal estrela, Mario Gotze, devido a uma lesão de longa duração o Dortmund conseguiu levar por vencido o seu principal adversário nesta luta: o poderoso Bayern de Munique que tinha equipa para ser campeão, mas a luta para chegar à final da Champios, com final no seu estádio, pode ter sido um fator importante para uma menor regularidade de resultados a nível local.

 

O sucesso um ano depois deve-se também à manutenção de um conjunto de jogadores que já se conheciam da época anterior, uma vez que do onze base, apenas Nuri Sahin saiu. Com a ausência de Gotze, foi o médio ofensivo Shinji Kagawa quem se destacou mais e comandou a equipa até à vitória no campeonato. O médio japonês, que tem uma ótima capacidade de ditar o ritmo de jogo, já fora figura da equipa na época passada, dando continuidade à boa forma neste ano, marcando 13 golos em 29 jogos até à data. No entanto, apesar de algumas individualidades que se têm destacado o Dortmund vale mais pelo seu conjunto.

 

Em primeiro lugar, o guarda-redes alemão Weidenfeller, apesar de não ser um grande nome do futebol alemão, oferece muita segurança a uma defesa que por si já coloca os avançados adversários em sentido. No conjunto dos quatro defesas destaco os centrais habitualmente titulares, Hummels e Subotic, que têm potencial necessário para se tornaram centrais de elite, com especial vantagem para o alemão. As laterias também estão bem entregues a Piszczek a Schmelzer, que apesar de não serem excecionais, cumprem os seus papéis de maneira eficaz.


O meio campo, para além de Kagawa é composto por Großkreutz, Kehl, Gundogan e Kuba (Bender também figura muitas vezes entre os titulares). Este meio-campo junta criatividade e destruição na dose certa. O goleador desta equipa é o polaco Lewandowski que conta com 20 golos em 32 jogos e que conseguiu sentar no banco Lucas Barrios.

 

O próximo passo desta equipa é conseguir afirmar-se em pleno nas competições europeias, algo que o Bayern de Munique já vem conseguido há uns anos.

 

 


 

 

 

 

 



publicado por Cláudio Guerreiro às 22:35
link do post | comentar

pesquisar neste blog
 
Equipa Minuto Zero'
Links
Também Tu Podes Participar!

Participa na Equipa Minuto Zero'

subscrever feeds
Arquivo

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010